Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

(in)sensatez

07
Jul16

Na final.

CD

IMG_3519.JPG

 

O meu amor, este que sinto pela nossa selecção (entenda-se: pelo grupo; não por nenhum jogador em particular), foi-se alterando à medida que este campeonato foi avançando.

Mas, julgo eu, o comportamento desta equipa também se foi modificando.

Continuo a considerar que a sorte esteve sempre do nosso lado. E com isto confirmei o que já suspeitava: isto, da sorte proteger os audazes, é mesmo verdade.

Continuo a verificar que não jogamos grande coisa – estou habituada a ver o Benfica, desculpem! Ahaha –, que a equipa está constantemente partida e que existem jogadores frequentemente mal posicionados.

Mas, ontem, em especial na segunda parte, vi uma equipa mais “equipa”. O que é sempre maravilhoso dado que estamos a falar de futebol.

A única coisa que mexe seriamente comigo é saber que temos jogadores admiráveis e que não adoro ver jogos em que se joga para safar – mas isso sou eu: que aprecio vencer.

Estou feliz por estarmos na final, qualquer português que se preze deve estar e, por isso, não vou agoirar dizendo o que acho que vai acontecer no domingo. Porque, independentemente do resultado final, o destino, esse com quem andamos sempre às turras, parece estar a tentar, finalmente, fazer as pazes connosco permitindo-nos, no horizonte temporal de apenas 12 anos, estar duas vezes na final de um campeonato europeu.

 

Dá-lhe, Portugal!

 

Instagram www.instagram.com/catarinaduarte.words

Facebook https://www.facebook.com/catarinaduartewords

Twitter https://twitter.com/cduartewords

Mais sobre mim

foto do autor

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Sigam-me

Facebook

Instagram @catarinaduarte.words

Biografia

Sou autora do livro infantil “Maria Bolinhos – no Reino da Maravilhosa Doçaria Alentejana” e do blog insensatez.blogs.sapo.pt. Escritora compulsiva: a minha vida é absorver tudo aquilo que vejo e tudo o que ouço. Se estão comigo há um certo risco de se tornarem inspiração da minha próxima personagem :) mas, calma!, não fujam já! Dou Workshops de Escrita Criativa a crianças e a adultos - são boas horas que sempre voam embaladas pelo fluir frenético da escrita. Devoro arte, sou constantemente inspirada por ela, nas suas mais diversas formas: livros, pintura, música, cinema, fotografia. Mas, também, jardins, praias, arestas dos prédios recortados da minha Lisboa: inspiro a luz que escorre pelas suas paredes, expiro um texto completo de incertezas. Não passo sem café, sem livros, sem as minhas viagens mas, especialmente, sem o ar livre da minha cidade, a minha maior inspiração. Tenho 32 anos, vivo em Lisboa com o meu marido e com as minhas palavras preferidas.

Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2015
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2014
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D