Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

(in)sensatez

03
Ago16

Os palmiers do Moinho.

CD

felizes.jpg

São raras as vezes que regresso à morada onde vivi durante mais de vinte anos.

Por nenhuma razão em particular, simplesmente porque não pertence ao percurso que faço diariamente.

No outro dia, fiz questão de lá estacionar, quando me dirigia para determinado local.

É sempre difícil voltar aos sítios onde fomos felizes – pude comprová-lo nesse dia.

Entrei numa das pastelarias da minha infância, os donos reconheceram-me e falaram-me com aquele carinho típico de quem nos viu crescer. Pedi um palmier para matar saudades.

E, como eram tantas as saudades, demais até, quando terminei o primeiro palmier, avancei, sem medos, para o segundo.

Não sou comedida quando o tema é matar saudades e, verdade seja dita, por ali teria ficado, a matá-las, umas atrás das outras, se o encontro que eu tinha marcado já não tivesse começado.

 

Facebook https://www.facebook.com/catarinaduartewords

Mais sobre mim

foto do autor

Subscrevam a Newsletter (prometo que não se vão arrepender)

Carreguem aqui para subscrever:)

Sigam-me

Facebook

Instagram @catarinaduarte.words

Biografia

Sou autora do livro infantil “Maria Bolinhos – no Reino da Maravilhosa Doçaria Alentejana” e do blog insensatez.blogs.sapo.pt. Escritora compulsiva: a minha vida é absorver tudo aquilo que vejo e tudo o que ouço. Se estão comigo há um certo risco de se tornarem inspiração da minha próxima personagem :) mas, calma!, não fujam já! Dou Workshops de Escrita Criativa a crianças e a adultos - são boas horas que sempre voam embaladas pelo fluir frenético da escrita. Devoro arte, sou constantemente inspirada por ela, nas suas mais diversas formas: livros, pintura, música, cinema, fotografia. Mas, também, jardins, praias, arestas dos prédios recortados da minha Lisboa: inspiro a luz que escorre pelas suas paredes, expiro um texto completo de incertezas. Não passo sem café, sem livros, sem as minhas viagens mas, especialmente, sem o ar livre da minha cidade, a minha maior inspiração. Tenho 32 anos, vivo em Lisboa com o meu marido e com as minhas palavras preferidas.

Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2015
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2014
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D