Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

(in)sensatez

04
Jul17

Sobre blogs #3: Dinamizar um blog.

CD

Dinamizar um blog.png

 

Vamos lá continuar a falar sobre blogs.

 

Depois da criação de um blog, é necessário dinamiza-lo.

 

(Reforço que estes textos onde abordo os temas dos blogs procuram transmitir a minha experiência pessoal, de quem já anda nisto há muito, muito tempo. Apenas isso. No final deste texto, vou deixar os links para os outros posts sobre o assunto.)

 

Fazer um planeamento - A primeira (e, talvez, mais importante dica) para qualquer que seja o blog, caso se queira publicar com o mínimo de regularidade, é fazer um planeamento.

 

Obrigo-me a planear a minha vida de forma a publicar praticamente todos os dias. O meu (básico) planeamento resume-se a isto: vou tirando, ao longo dos dias, apontamentos sobre o que quero falar, qual o ângulo que quero abordar, e começo, inclusive, a escrever o texto, mesmo que saiba que ele vai ser mudado. Quando me sento para o limar e o rever, posso não saber exactamente se vai sair na próxima quinta-feira ou no próximo sábado, mas já tenho muito trabalho adiantado. Depois é só torna-lo "bonito", orientar-me e enquadra-lo na agenda.

 

Criar uma rotina de escrita – Digo sempre isto nos Workshops de Escrita Criativa que dou: é fundamental haver uma rotina de escrita, tanto para quem quer desbloquear a escrita, como para quem quer profissionalizar um blog.

Somer­set Maugham (autor da Servidão Humana e do Fio da Navalha) dizia:

 

"Eu escrevo só quando a ins­pi­ra­ção bate à porta. Feliz­mente, ela bate à porta todas as manhãs às nove em ponto.

 

Obviamente que a inspiração não lhe aparecia à frente, todas as manhãs, às nove horas, mas ele escrevia, quer ela lá estivesse, quer não. E isto é fundamental: criar uma rotina.

 

(Eu - mesmo que assuma interiormente que nem todos os dias vou conseguir cumprir - escrevo todos os dias. Criarmos estes compromisso connosco, é meio caminho andado para conseguirmos - mesmo que não se consiga ser tão rigoroso quanto se quer.)

 

Bons Conteúdos - Criar conteúdos relevantes, escritos numa voz muito nossa, característica, própria e que "obrigue" as pessoas a regressar ao blog, procurar um ângulo diferente de abordagem, uma análise mais fora, sempre acompanhado por um escrita cuidada (sem erros ortográficos), é fundamental.

 

Conteúdos actuais - Falar sobre a actualidade origina o crescimento de laços entre quem escreve e quem lê: as pessoas tendem em identificar-se, partilham e as interações crescem.

 

Boas fotografias (boa imagem) - Uma imagem vale mais do que mil palavras. As imagens são bons suportes para os posts. Num blog que se caracteriza mais como sendo de escrita (como é o caso deste), embora as fotografias sejam importantes, não as considero assim tão fundamentais (mas, sim, muitas vezes, como já referi, a sua ausência, deve-se mais à falta de tempo para as tirar, do que a outra coisa qualquer).

 

Uma dica que considero importante é: por exemplo, no âmbito de um texto com o propósito de dar uma opinião sobre um livro, em vez de se tirar uma imagem da capa do livro da internet, fica mais giro e mais apelativo, colocar uma fotografia tirada por nós.

 

Dinamização dos próprios posts - É sempre vantajoso, colocar links para outros posts do blog, uma vez que faz com que se crie tráfego interno (confesso que, muitas vezes, me falta a paciência para isto :) );

Outra dica: olhar para os jornais/revistas digitais e ver como estão organizados - colocar as frases mais apelativas, dos nossos textos, a bold, fomenta a curiosidade (tal como acontece nesses jornais/revistas).

 

Procurar forma de criar tráfego - Através de passatempos, concursos ou perguntas. Ter a iniciativa de falar com marcas, propor parcerias, procurar relações win-win.

 

Criar uma comunidade - Bom, talvez eu não seja assim a melhor pessoa para falar disto mas reconheço a importância de uma comunidade de bloggers. Há alguns que sigo com bastante frequência (diariamente) tais como o João Farinha, a Cláudia, a Maria das Palavras, a Leonor, a Cristina e a Rita. Não digo que tenha interação muito recorrente com estes bloggers mas é importante criarem-se iniciativas para fomentar o crescimento dos blogs.

 

E foram estas as dicas de como dinamizar um blog.

Têm mais para a troca?

 


O primeiro texto da saga "Sobre Blogs" (sobre a Dimensão das Coisas) está aqui.

O segundo texto da saga "Sobre Blogs" (sobre como Começar um blog) está aqui.

O quarto texto da saga "Sobre Blogs" (sobre como Dinamizar um blog) está aqui.

15 comentários

Comentar post

Mais sobre mim

foto do autor

Subscrevam a Newsletter (prometo que não se vão arrepender)

Carreguem aqui para subscrever:)

Sigam-me

Facebook

Instagram @catarinaduarte.words

Biografia

Sou autora do livro infantil “Maria Bolinhos – no Reino da Maravilhosa Doçaria Alentejana” e do blog insensatez.blogs.sapo.pt. Escritora compulsiva: a minha vida é absorver tudo aquilo que vejo e tudo o que ouço. Se estão comigo há um certo risco de se tornarem inspiração da minha próxima personagem :) mas, calma!, não fujam já! Dou Workshops de Escrita Criativa a crianças e a adultos - são boas horas que sempre voam embaladas pelo fluir frenético da escrita. Devoro arte, sou constantemente inspirada por ela, nas suas mais diversas formas: livros, pintura, música, cinema, fotografia. Mas, também, jardins, praias, arestas dos prédios recortados da minha Lisboa: inspiro a luz que escorre pelas suas paredes, expiro um texto completo de incertezas. Não passo sem café, sem livros, sem as minhas viagens mas, especialmente, sem o ar livre da minha cidade, a minha maior inspiração. Tenho 32 anos, vivo em Lisboa com o meu marido e com as minhas palavras preferidas.

Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2015
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2014
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D