Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

(in)sensatez

por Catarina Duarte

(in)sensatez

por Catarina Duarte

17.01.20

Opinião: Noah Surf House.

Catarina Duarte
  No passado fim-de-semana, estivemos num sítio altamente recomendável, situado a menos de uma hora de Lisboa. Havendo possibilidade, não deixem de experimentar. Não se assustem com o nome, achando que é um local apenas direcionado para surfistas, e que vocês, pessoas que não fazem surf, não vão usufruir deste espaço. Não se assustem porque não é apenas para surfistas. Não é mesmo. Hoje falo-vos no Noah Surf House.         O Noah Surf House, para além da arquitetura (...)
14.01.20

Planear para envelhecer.

Catarina Duarte
Antecipem os vossos problemas, planeiem o vosso futuro, construam, vivam e deixem viver.   Conseguimos prever bastante. Planeando conseguimos até antever e controlar o nosso médio prazo para vivermos sem grandes incertezas. Permite-nos estar preparados, com as condições reunidas para assegurar quase tudo o que queremos. Ou, então, para saber com relativa distância que não vamos conseguir o que pretendemos. Criar planos B, mudar a rota ou rumo, caso seja essa a vontade, também é (...)
23.12.19

Opinião - Casa do Roxo.

Catarina Duarte
  No fim-de-semana em que fomos andar de Balão de Ar Quente, marcamos alojamento na Casa do Roxo. Tínhamos algumas opções em vista mas, pela tranquilidade e simplicidade que transparecia nas fotos, a Casa do Roxo contemplava tudo aquilo que nos apetecia. E não desiludiu. Um sítio calmo, pacato, na Mina da Juliana, em Beja.     Gostaria de dizer que aproveitamos a piscina e da (...)
04.12.19

Quartas-feiras.

Catarina Duarte
Reuniam-se sempre às quartas-feiras, às seis e meia da tarde, e para além de Deus, e dela também, poucos sabiam o que precisava de fazer para lá estar a essas horas. Fugia do escritório às seis em ponto, voava até ao autocarro, está certo que era apenas uma única paragem, mas, depois, ainda tinha o metro, onde as paragens passavam a três, e, depois, mais dez minutos a pé. Se tudo fluísse como esperado, chegava cinco minutos atrasada; caso contrário, nem valia a pena ir.   (...)
03.12.19

Voo de Balão de Ar Quente - Alentejo.

Catarina Duarte
  Num dos fins-de-semana de Outubro, e a um título muito especial, resolvemos marcar uma viagem de Balão de Ar Quente, no nosso querido Alentejo. Foi um fim-de-semana cheio, muito quente apesar do frio, com bastante comida à mistura, como só os fins-de-semana quentes conseguem ter.   Reservamos com a Up Alentejo e à hora marcada (de manhã muito cedo) lá estávamos no sítio combinado. A partida ocorreu num descampado no (...)
25.11.19

A Catarina que deu lugar à Mãe.

Catarina Duarte
A todos aqueles que a ele (ainda) não pertencem, aviso já que se trata de um mundo enigmático e ligeiramente esotérico. Chama-se Mundo da Maternidade e nada – nada – nos prepara para ele. Há uma infindável lista de situações que se alteram no dia-a-dia de uma recém Mãe. Estou aqui hoje para sublinhar apenas uma delas que, não sendo propriamente vital nem fundamental para o bebé, para a mãe, para o pai ou para esta unidade chamada família agora com um novo membro, é (...)
22.11.19

Razões divinas.

Catarina Duarte
Estava apenas alguma chuva mas o frio sentia-se com força. Reparei que uma pequena abertura entre duas nuvens deixava passar uns raios de sol. Não sei se por alguma razão divina mas incidiam precisamente no meu carro, aquecendo-me. Ao quente do sol que, não sei se por alguma razão – repito - divina, me aquecia, assim que liguei o carro, juntou-se esta voz (que com vocês agora partilho) e que se desenhou corpulenta, abraçando-me, então, como talvez só os nossos o façam, e que (...)