Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

(in)sensatez

por Catarina Duarte

(in)sensatez

por Catarina Duarte

Qua | 09.03.16

Dia 9 de Março também é dia da Mulher.

Catarina Duarte

Dia 9 de Março também é dia da Mulher.

Dizem que ontem foi o dia da mulher e eu esforcei-me, a sério que me esforcei, para arranjar um texto todo catita em prol deste dia. Até o tenho gravado, na pasta de textos concluídos, prontinho a publicar.

Mas, então, porque não publiquei? Não sei. Não me agradou o suficiente. Talvez para o ano, quando celebramos este mesmo dia, o publique.

Mas porquê de abordar este assunto hoje?

Bom, em primeiro lugar, porque ontem, quando estava a ir para a cama, continuava em busca das palavras que me faltavam para escrever sobre este dia e, imediatamente antes de puxar a colcha para trás, surgiu-me uma: consistência.

E eu pensei: bolas, tanto tempo para escrever um texto e só me faltava uma palavra para o tornar como queria. Consistência.

Fiquei um bocado revoltada porque o meu texto, o meu tributo no feminino, já não ia ser publicado. Não este ano.

Hoje de manhã, quando dava uma volta pelo facebook e começaram a surgir no meu “feed” as publicações de “ontem”, ainda me aparecerem umas quantas, sempre ditadas em tom de indignação, dizendo que o dia da mulher é todos os dias.

E, bom, pareceu-me o mote perfeito para consumar o meu texto. Se o dia da mulher é todos os dias, hoje, um dia depois da data estipulada para o efeito, vou escrever sobre ele. Porque sim, ele é mesmo todos os dias.

Consistência.

Consistência na abordagem, no comportamento, nas oportunidades, nos direitos.

Consistência.

Consistência no tratamento, no recrutamento, nas promoções, na interpretação.

Consistência. Era a palavra que me faltava.

E, com isto, deixo-vos o texto de ontem, aquele que não saiu quando devia:

As redes sociais dividem-se entre aqueles que acreditam que não se deve festejar este dia porque, bom, ele só faz sentido porque ainda existem diferenças entre homens e mulheres e aqueles que consideram que este dia é importante e merece ser sublinhado.

Pelo meio ainda se opina sobre machismo, feminismo, igualdade de géneros, igualdade de oportunidades.

Hoje li um frase, não me recordo onde (desculpem-me mas a informação é tanta que, por vezes, perco-me), que dizia mais ou menos isto:

“Sou pela igualdade dos direitos e das oportunidades. Não sou pela igualdade dos géneros.”

Para mim, esta frase resume tudo. A ela só acrescento: consistência – a palavra que me faltava.

Dia 9 de Março também é dia da Mulher.

Feliz dia da Mulher.

 

Instagram @catarina_lduarte

Facebook https://www.facebook.com/catarinaduartewords