Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

(in)sensatez

por Catarina Duarte

(in)sensatez

por Catarina Duarte

Sex | 19.08.16

Dia Mundial da Fotografia.

Catarina Duarte

DSCF5320.JPG

 

Não sendo profissional de fotografia, há já muitos anos que me interesso pelo tema.

Sempre me interessei pelas máquinas dos meus pais, pelos rolos que a minha mãe comprava e gastava, uns atrás dos outros, nas nossas férias. Sempre a acompanhei na revelação das fotografias, na execução dos álbuns e na escolha das melhores para oferecer ou, simplesmente, para enfeitar a casa.

Hoje em dia tornou-se, de certa forma, fácil captar bons momentos. É tudo muito mais imediato: os telemóveis ajudam, as aplicações facilitam, os programas apoiam. São rápidos os momentos entre o dispara-filtra-centra-partilha. Partilhamos imagens. Partilhamos instantes. Partilhamos beleza. E eu gosto desta partilha.

Mas gosto especialmente que a fotografia esteja acessível a todos e, muito importante!, a todos os níveis de interesse e estudo. Havendo e valorizando a vertente profissional, gosto de saber que, mesmo quem não tem formação na área, tem a possibilidade de distribuir momentos. Bons momentos mas, acima de tudo, bonitos momentos.

Na verdade, todos nós temos uma perspectiva que queremos partilhar, uma abordagem própria e singular sobre determinado tema, uma composição muito nossa, uma estrutura desenhada e esculpida de forma ímpar. Gosto disso e gosto principalmente de também conhecer o mundo pelos pés dos outros, pelos olhares dos outros, pelas objectivas dos outros e não, necessariamente, apenas e só através de olhares profissionais. Não apenas e só. Mas também.

 

Esta fotografia foi tirada hoje, em São Pedro do Sul, num dia cinzento e chuvoso, num dia com nevoeiro, num dia em que, o trajecto escuro e pesado dos fogos que devastaram a zona, estava presente no cheiro. E na imagem.

Boa noite.

 

Mais fotografias aqui -> https://www.instagram.com/catarinaduarte.words/

3 comentários

Comentar post