Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

(in)sensatez

por Catarina Duarte

(in)sensatez

por Catarina Duarte

Ter | 16.02.16

Fascínio.

Catarina Duarte

Conheço pessoas que têm fascínio pela noite. Compreendo mas não o consigo sentir.

Consigo até, ocasionalmente, apreciar a calma que a escuridão nos dá. Consigo até, ocasionalmente, sentir a descompressão após um dia na labuta, quando a claridade dá lugar à obscuridade. Consigo até, ocasionalmente, reconhecer que a noite tem fascínio se isso implicar copos. Mas, sã de pensamentos (e ausente de noitadas), a noite deprime-me.

Hoje a noite entra cálida e esperada, a guitarra é arranhada ao compasso de "verdes anos" e eu permito-me a paz e o sossego que esta casa transpira nas noites em que joga o Benfica.

Boa noite.

Comentar:

CorretorEmoji

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.