Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

(in)sensatez

por Catarina Duarte

(in)sensatez

por Catarina Duarte

Qua | 26.07.17

Finanças.

CD

Na repartição de finanças, onde estou, as pessoas à minha volta, onde espero, aguardam a sua vez agarradas ao telemóvel. Não sou excepção: o telemóvel, onde escrevo, permite-me também fazer o tempo passar. Não tirei o meu livro, de onde estava, por ser pesado, demasiado pesado, para o trazer comigo. Reclamamos da tecnologia (eu reclamo muito) mas acaba por ser - justiça seja feita - das maneiras mais leves de fazer o tempo passar.

Bom dia, de quem espera.

2 comentários

Comentar post