Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

(in)sensatez

por Catarina Duarte

(in)sensatez

por Catarina Duarte

Qui | 10.09.15

Opinião: O manipulador de Jonh Grisham

Catarina Duarte

image.jpg

 

Sinopse: Raymond Fawcett, juiz federal da Virgínia, e a sua secretária são encontrados mortos em casa. Não há sinal de luta, nem impressões digitais, nem testemunhas. Nada, exceto um cofre-forte vazio.
Depois de alguns meses, a investigação do FBI não avançou um milímetro. E é aí que entra em cena Malcolm Bannister, de 42 anos, negro, advogado de profissão, condenado a 10 anos de prisão por um crime que não cometeu e ainda com cinco anos de pena por cumprir.

 

Opinião: Comprei este livro numa promoção qualquer da wook (atenção: aproveitar estas promoções que valem bem a pena!) sem assim muita expectativa. Achava que era um livro banal para entreter. E, de facto, é. Cumpre na perfeição a razão pela qual o comprei sendo que, arrisco-me a dizer, até me surpreendeu. Não é propriamente um livro que marque, provavelmente não é um livro que irei recordar como "que grande livro!" mas é um livro que vale a pena porque está relativamente bem escrito, tem um bom argumento e agarra-nos. Recomendo. 

 

Rating: 4/5

Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.