Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

(in)sensatez

por Catarina Duarte

(in)sensatez

por Catarina Duarte

Ter | 12.12.17

Quanto mundo cabe nas fotografias de Steve McCurry?

CD

IMG_9123.JPG

 

Como já aqui disse, um dos motivos (como se fossem precisos motivos) para irmos ao Porto foi ver as exposições que por lá andam. A primeira foi, claro, a muito desejada exposição de fotografia do Steve McCurry.

 

A fotografia mais importante da sua carreira talvez seja a da Menina Afegã mas é, na minha opinião, absolutamente, redutor falar apenas desta fotografia para caracterizar um fotógrafo desta dimensão.

 

Já aqui tive a oportunidade de escrever sobre este fotógrafo e hoje falo da sua importância no processo de documentar o nosso tempo. Alguém tem dúvidas do poder da fotografia para consolidar a nossa História?

 

Estamos a falar de alguém que esteve presente em zonas de conflito (por exemplo, Guerra do Golfo), em desastres naturais de grande dimensão (por exemplo, o Tsumani do Japão) e também noutras tragédias que marcaram, fortemente, o nosso tempo (por exemplo, o 11/09).

 

Da exposição, gostei, em primeira instância, claro, das fotografias mas também das histórias por detrás dessas mesmas imagens. Muitas vezes, no meio da tristeza e da miséria, surge poesia nas palavras de Steve McCurry. Outro ponto relevante, é o contexto histórico que é dado através do Audio Guide. Faz-nos ter uma noção do contexto em que elas, muitas vezes, são tiradas.

 

Apesar dos bilhetes não serem propriamente baratos, gostei de ver que a exposição (que, ao início da tarde, estava relativamente vazia) encheu de um momento para o outro.

 

Se a forem ver, contem com, pelo menos, 2 horas para poderem saborear, com calma, cada um dos instantes captados por estas lentes maravilhosas.

 

0603B078-B6F0-497E-B1A4-B9B354B6B86C.JPG

 

Recomendo mesmo muito.

 

(informação horária e preços retirada do site https://www.noticiasmagazine.pt)

The World of Steve McCurry 
Alfândega do Porto
Até 31 de dezembro 
De segunda a sexta-feira das 10h00 às 18h00
Sábados, domingos e feriados das 10h00 às 19h00
Adultos: 11 euros
Crianças dos 4 aos 12 anos: 7 euros

Seniores e estudante: 9 euros