Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

(in)sensatez

por Catarina Duarte

(in)sensatez

por Catarina Duarte

Qua | 16.11.16

Sim, vou escrever sobre o Bruno de Carvalho.

Catarina Duarte

FullSizeRender.jpg

 

Eu sei que uma pessoa não se deve meter em futebóis mas, às tantas, com tanta publicidade, torna-se demasiado apetecível este tema e (também) demasiado difícil ignorar, seguir em frente e não comentar.

O meu problema com o Bruno de Carvalho nem é tanto ele ser do Sporting (ahahah). É mesmo eu ter (sempre) muita dificuldade em entender atitudes violentas, no geral, feitas por quem possui cargos de chefia, em particular (e olhem que não sou, propriamente, um doce).

Vi as imagens para aí umas 50 vezes. De seguida… umas após as outras (eu não queria – juro - mas, o restaurante onde eu estava a jantar, achou que as cenas eram suficientemente bonitas para enfeitar o meu serão).

Vamos só frisar um ponto: o Bruno de Carvalho não é um adepto. Ele é o presidente do Sporting Clube de Portugal.

E, como tal, deve agir em conformidade com o cargo que ocupa: deve ter autocontrolo. Deve ter bom senso.

Não falo em educação. Não falo em saber usar a faca e o garfo. Falo em autocontrolo; falo em bom senso. 

Pouco me importa se ele cuspiu, se ele mordeu, se ele ladrou. O Bruno de Carvalho tem que entender que, embora tenha sido, em tempos, possivelmente, um adepto de café ou um treinador de bancada, hoje, sentado na cadeira de presidente, não pode - mesmo - comportar-se como outrora. Unicamente pela posição que ocupa. Não deve ser incendiário. Não deve cuspir labaredas cada vez que falam (mal) do clube que gere. Não deve. Pode. Mas não deve.

Desprestigia-o, desprestigia o futebol, desprestigia o desporto, desprestigia a hierarquia e, especialmente, desprestigia o clube que, não sendo (propriamente) a última coca-cola do deserto, tem história que merece ser preservada.

 

ps. - é lamentável a cobertura televisiva que se tem dado a este tema.

ps2 - por muito apelativo que seja (e eu sei bem que é), por favor, larguem o homem - ele é cuspidelas no SCP - Arouca, ele é o divórcio, ele é a secretária...

 

  

Estou aqui:

Instagram

Facebook

7 comentários

Comentar post