Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

(in)sensatez

por Catarina Duarte

(in)sensatez

por Catarina Duarte

Ter | 14.03.17

Sobre o Salvador Sobral.

CD

 

Num mundo perfeito, como aquele onde actualmente existimos, as refeições são equilibradas, os corpos estão hidratados e os comportamentos estão treinados. Num mundo perfeito, como aquele onde actualmente existimos, os dias estão equilibrados em agendas sem rabiscos, os próximos projectos são brutais e as imagens são filtradas com luz, com muita luz. Num mundo perfeito, como aquele onde actualmente existimos, percebo (não concordando) quando uma pessoa com imagem desgadelhada, postura desarticulada, roupa descaída, ganha uma posição de destaque em determinada área (pela sua prestação ter sido efectivamente boa) e toda a massa opinativa deste mundo lhe cospe críticas negativas. Percebo (não concordando) que, num mundo perfeito, como aquele onde actualmente existimos, não haja espaço, nem nos feeds das redes sociais nem nos horários nobres televisivos, para pessoas com imagem desgadelhada, postura desarticulada e roupa descaída. Não há espaço, num mundo perfeito, como aquele onde actualmente existimos, para criar diferente e para ouvir, de olhos bem abertos, a beleza desta canção. 💛