Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

(in)sensatez

por Catarina Duarte

(in)sensatez

por Catarina Duarte

14.01.20

Planear para envelhecer.

Catarina Duarte
Antecipem os vossos problemas, planeiem o vosso futuro, construam, vivam e deixem viver.   Conseguimos prever bastante. Planeando conseguimos até antever e controlar o nosso médio prazo para vivermos sem grandes incertezas. Permite-nos estar preparados, com as condições reunidas para assegurar quase tudo o que queremos. Ou, então, para saber com relativa distância que não vamos conseguir o que pretendemos. Criar planos B, mudar a rota ou rumo, caso seja essa a vontade, também é (...)
27.03.18

A culpa é da vida.

Catarina Duarte
  Nós somos seres com uma capacidade incrível para justificar tudo. Passamos os dias a dizer que isto correu bem porque isto correu bem ou que aquilo correu mal porque aquilo correu mal.   Percebo a ideia mas nunca pomos os louros em quem de direito: na vida. E isso é injusto. É injusto e é pesado de carregar aos ombros porque dá-nos mais importância do que, se calhar, temos.   A pergunta que se impõe é mesmo esta: em não sei quantas horas de não sei quantos dias, não (...)
19.03.18

Nada vale o que é nosso, sem ser para nós.

Catarina Duarte
  O conjunto das nossas coisas, como muito bem referiu Miguel Esteves Cardoso, só faz sentido porque é nosso e por nós ter sido construído.   Será que mais alguém se interessa pela minha coleção de coisas? Por todas as coisas que a compõem? Sem exceção?   Os exemplares do livro que escrevi, vão continuar a viver nas casas que agora lhes dão guarida. Possivelmente, haverá sempre alguém que gostará das suas ilustrações garridas, espero. Espero também que alguém (...)