Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

(in)sensatez

por Catarina Duarte

(in)sensatez

por Catarina Duarte

Seg | 17.04.17

Viver no meu mundo não são só coisas boas.

CD

Permite apagar-me quando estou em conversas desagradáveis mas depois não me recordo do teor das mesmas.

Ajuda-me também, se querem saber, a pensar e a endireitar os meus objetivos, mas faz-me adormecer da realidade que me contorna.

Levita-me nos textos que quero construir mas não me ajuda a fixar as pessoas com que estou.

Viver no meu mundo e, especialmente, viver para o meu mundo é bom mas relembra-me que há mundo, que não o meu, a girar e que, algumas vezes, várias vezes, me passa ao lado.